fora-da-toca_rentalcars_CAPA

Como alugar carro na Itália, conheça a Rental Cars

Se você pretende alugar um carro para curtir as lindas estradas italianas, não deixe de ler esse post! Aqui você vai encontrar dicas, e um pouco da nossa experiência com o aluguel de carros.

 

Que tal começar do começo? Como tirar a PID?

A primeira coisa que você precisa ter em mente é que ao contrário dos EUA onde você só precisa ter a sua CNH dentro da validade, na Europa é necessário ter a PID (Permissão Internacional para Dirigir). Fique tranquilo que não é nenhum monstro de 7 cabeças conseguir esse documento. Você entra no site do DETRAN, paga o DUDA (cod.:204-6) de  R$ 126,97 e depois marca o dia para buscar a carteira prontinha. A PID vem com a mesma foto e validade da sua CNH atual, então vale conferir se não é melhor renovar logo a CNH para que a PID dure mais tempo. Como moramos no Rio de Janeiro tudo foi feito pelo Detran – RJ. aqui o link da PID . Acredito que não seja muito diferente nos outros estados.

Minha PID
Minha PID

 

Escolhendo e reservando um carro

Não é que você precise da PID para fazer a reserva, de fato não precisa, mas colocamos em primeiro lugar para não ter desespero de última hora, esquecimento ou super lotação no Detran.

Quando começamos a pesquisa de preços, descobrimos um site MARAVILHOSO para conseguir valores bem em conta. Sabe o decolar.com? Então o RENTAL CARS é o decolar dos carros. Lá você consegue cotar em diversas empresas ao mesmo tempo, ou seja uma baita economia de tempo. Aqui o link para a Rental Cars.

Segue abaixo o passo a passo que fizemos só para ilustrar.

O site é bem simples de usar, você seleciona o país, cidade, local de retirada e período de aluguel e horário de retirada e devolução. PRONTO!

home do site
home do site
carregando as opções
carregando as opções

Aparecem diversas opções de carro, então a seleção depende mesmo da sua necessidade. Você escolhe o tipo de carro, e depois o local de retirada para ver as opções, e clica reservar. Para concluir a reserva você precisa logar ou se cadastrar no site.

primeiro selecione o local de retirada
primeiro selecione o local de retirada
depois o modelo do carro
depois o modelo do carro

 

Durante a reserva você escolhe itens extras como, tanque cheio, cadeira para crianças e GPS. Além do tipo de seguro, nós usamos o mais básico.

 

extras para você acrescentar ao aluguel
extras para você acrescentar ao aluguel
seguro selecionado
seguro selecionado

 

O valor será cobrado no seu cartão de crédito lembrando que precisa ser INTERNACIONAL!!!

Depois de concluído você recebe por email os vouchers do aluguel, simples assim!

 

Dicas SUPER importantes

 

Retirada do carro

Chegue sempre antes do seu horário para não atrapalhar os seus planos. Nunca se sabe o tamanho da fila, ou a demora em preencher os papéis, ou até a demora em achar o guichê ou de retirar o carro da garagem. No aeroporto de Bolonha demoramos até o responsável pelas chaves aparecer. Entre outros detalhes que contaremos aqui (EM BREVE.)

Lembre-se de levar o voucher, sua carteira PID (motorista principal e secundário), passaporte e cartão de crédito para fazer o bloqueio da franquia do aluguel além de alguma outra taxa que tenha que pagar na hora.

 

ONE WAY

Se você for retirar um carro em uma cidade e devolver em outra, uma taxa ONE WAY será cobrada, no nosso caso de Florença para Roma pela Enterprise foi de 69 euros e deve ser paga na hora.

 

GPS

O valor do GPS é cobrado por dia. Custa em torno de 9 euros mais as taxas foram uns 12 euros e deve ser pago na hora também.

Usamos só no primeiro aluguel, na realidade usamos um roteador… por que não tinha mais GPS para alugar (apesar de eu ter solicitado na reserva) então nos deram um roteador de internet. Foi ótimo e até mais útil pois podíamos usar whatsapp entre outros aplicativos para conversar com a família. Conseguimos aproveitar logo após eu passar uns 20 min queimando meus neurônios tentando desvendar a senha do wi-fi, já que escreveram tudo junto e achava que todos os caracteres (inclusive o espaço) faziam parte da senha. Até que um clique divino me fez reparar que PSW na realidade estava informando que a PASSWORD era aquela (muita raiva nesse momento).

 

senha pegadinha da locadora
senha pegadinha da locadora

Depois aprendemos a usar um aplicativo de mapas off-line e desapegamos do GPS. Contamos nossa experiência com ele aqui . Vale a pena ler ele ajuda de mais!!

 

Bloqueio de cartão

Esse detalhe quase quebrou nossos planejamentos. Por sorte que umas semanas antes da viagem resolvemos confirmar e rever todos os vouchers de aluguel e reservas. Como quem ia dirigir era o Augusto colocamos ele como motorista principal e eu como secundária. O que não tínhamos prestado atenção é que o motorista principal é quem deve ter o cartão de crédito para realizar o bloqueio da franquia do aluguel. Eles bloqueiam esse valor, e depois quando você devolve eles liberam novamente. O problema é que o bloqueio era de aproximadamente 1600 EUROS!!! Com o câmbio na situação em que se encontra vocês podem imaginar que o cartão além de internacional tinha que ter um senhor limite.

Sendo assim pedi aumento do meu limite, e congelamos pois tínhamos que trocar o condutor principal da reserva para mim. E se perdêssemos o valor da reserva? E se tivesse que fazer uma nova reserva só pra alterar os condutores? Com a cotação atual ia ser um rombo no orçamento! E entrar em contato com a Rental Cars, nunca tínhamos pedido nada tão complicado, só adicionar um dia ou trocar outro.

Foi aí que eu me apaixonei pela Rental Cars. O atendimento deles é incrível! São super atenciosos, educados, e prestativos. Você liga para um número que direciona sua ligação para um centro de atendimento todo em português. Não precisa ficar com medo é muito simples mesmo! Eu expliquei meu problema para o atendente que em pouquíssimos minutos atualizou as reservas, e ainda passou a notícia de que não tinha diferença nenhuma de valores.

 

nosso primeiro carro que não durou 30min nas nossas mãos
nosso primeiro carro que não durou 30min nas nossas mãos

Troca de carro na hora da Retirada

Quando alugamos o carro em Florença, e entupimos ele com nossas malas, percebemos que uma viagem de mais de 4 horas no carro seria complicada pelo aperto que tinha ficado. Principalmente para os meus pais no banco de trás. Voltamos para a locadora que fica numa mini portinha e pedimos um carro com uma mala maior. Por sorte eles tinham um Fiat 500L. O carro parece um Fiat 500 que tomou fermento dos bons! É absurdo de confortável e tem uma mala GIGANTESCA. Não era o sonho de consumo do Augusto dirigir ele pela Toscana, eu sei, mas não se pode negar que era um carrão, super completo, muito econômico, air bags para todos os lados e com uma mala sensacional! Recomendamos para 4 pessoas!

Apesar de estarmos super preocupados com a diferença de preço que teríamos que pagar pelo carro, ficamos muito gratos em saber que seriam apenas 20 EUROS, perguntei se era por dia do aluguel, e para nossa alegria era pelo período todo.

nosso carro passeando pela costa Amalfitana
nosso carro passeando pela costa Amalfitana

Áreas restritas

Diversas cidades na Itália tem áreas com restrição de passagens de carros de passeio, o centro de Florença por exemplo durante a semana é PROIBIDO! Apenas táxis e carros cadastrados de moradores são permitidos. Se você vazar esse bloqueio pode ter certeza que receberá uma multa. O simpático Luciano, dono do hotel Tourist House Battistero, que ficamos em Florença, nos alertou sobre isso pois queríamos estacionar o carro e pegar as malas na porta, achando que era simples assim. Ele nos informou para passar com o carro pelo sinal que mostra o bloqueio (que é muito simples, é só um sinal piscando) e quando chegasse lá informássemos a placa do nosso carro para ele, que aí ele informaria as autoridades via e-mail o motivo da entrada, etc… e assim a multa seria evitada, como de fato foi o que aconteceu. Fiquem atentos a essas restrições, e não fiquem envergonhados de pedir dicas nos hotéis, todos em que passamos foram extremamente atenciosos.

(nota para a próxima viagem: Precisamos perder a vergonha de tirar fotos com as pessoas para colocar no blog, e lembrar de anotar os nomes…)

sinal de entrada em Florença
sinal de entrada em Florença

MULTAS

Agora, depois da viagem tivemos uma cobrança no cartão, uma multa… duas na verdade, e ao entrar em contato com eles por telefone fui direcionada a mandar um e-mail  para o atendimento (momento medo, pelas habituais experiências com atendimento por e-mail que demoram séculos para responderem), e como sempre, impecável! Esclareceram tudo! As duas taxas no valor de 48 EUROS que foram cobradas são taxas que a empresa de aluguel cobra para informar para as autoridades Italianas os dados dos condutores, então para cada multa uma taxa dessa é cobrada. A multa em si será encaminhada para nós, aqui no Brasil pelas autoridades Italianas, e deve demorar até um ano para chegar! Oremos para que quando elas chegarem o câmbio tenha caído muitoooooo! Então não achem que essa história de multa fora do país é lenda…existem, e somos a prova viva hehehe.

 

A Rental cars funciona em outros países mas como só usamos na Itália estamos falando especificamente dessa experiência. Não recebemos um centavo por essa propaganda da Rental Cars, é dica mesmo! Pela nossa experiência como usuário! Alugaremos outras vezes com certeza!

 

Compartilhe nas redes sociais!

Um comentário em “Como alugar carro na Itália, conheça a Rental Cars

Deixe seu comentário ou dúvida