Fora-da-toca_sobrevivendo-a-orlando_CAPA

Sobrevivendo à Orlando no fim de ano, como aproveitar ao máximo!

Aproveitar os parques da Disney em pleno fim de ano requer muita força de vontade, paciência e disposição. Como contei no meu primeiro post sobre Orlando dezembro é alta temporada e tudo fica absurdamente cheio, parques, lojas, mercados… para onde você olhar tem uma fila quilométrica. Mas ao mesmo tempo eu falei que aproveitamos muito… Como isso é possível? Segue a nossa receita para sobreviver ao mundo de turistas que os parques recebem no final de ano.

 

Nossa Receita

Como eu disse no começo, requer muita força de vontade, paciência e disposição para encarar os parques quando cheios. Então seguem algumas dicas para aproveitar o máximo possível.

 

chegar cedo é tipo, madrugar...
chegar cedo é tipo, madrugar…sim essa foto é de manhã

Dicas Gerais

1- Acorde CEDO e desapegue da cama, lembre-se que a maioria dos hotéis não tem café da manhã incluído. Então se organize para não perder tempo.

2- Reveze com quem está viajando com você quem acorda primeiro, assim todos descansam um pouco mais cada dia. Lembrando sempre de dar prioridade para dormir mais ao motorista da equipe.

3- Como nosso quarto tinha geladeira e microondas, nós comprávamos comida congelada, sanduíches, biscoitos, sucos e achocolatados entre outras besteiras para nos acompanhar no passeio e economizar na hora do lanche. Além de você poder tomar o café no quarto e sair de uma vez para os parques. Viajar low profile é assim, sanduba no quarto e vamos embora!

 

Confira nosso dia Magic Kingdom, ou no EPCOT (EM BREVE)

Dicas para a DISNEY – Antes de viajar

1- Quem se hospeda em um dos resorts Disney pode agendar até 3 brinquedos por parque por dia para pular a fila com até 3 meses de antecedência. Além de aproveitar o Extra Magic Hours, onde você entra antes do parque abrir para todo mundo ou pode ficar depois que fecha.

2- Para o resto do mundo que se hospeda em outros hotéis, casas etc… você pode agendar os 3 brinquedos por parque por dia com um mês de antecedência. Fique atento que no EPCOT existem algumas limitações nesse agendamento. Confira mais dicas no nosso post sobre o EPCOT ( EM BREVE ).

3- Escolha as atrações mais concorridas de cada parque para furar fila, ou as que tiver maior vontade de ir.

4- Agende seu fast pass para algumas horas depois de você chegar ao parque, assim você pode aproveitar as filas pequenas do início do dia para andar em outros brinquedos.

5- Lembre-se que existe um tempo gasto em deslocamento, então não marque brinquedos distantes em horários próximos.

6- Encontro com personagens também podem ser agendados e ter a fila furada assim como os brinquedos, e sim, isso desconta dos 3 agendamentos que você pode fazer por dia.

7- Se você pretende comer em algum restaurante dos parques da Disney principalmente os com encontro com princesas, fique de olho para agendar até 6 meses antes da sua viagem através do site da Disney, as vagas esgotam muito, muito rápido.

algumas telas do aplicativo da Disney, na parte de baixo você pode selecionar o parque que deseja
algumas telas do aplicativo da Disney, na parte de baixo você pode selecionar o parque que deseja

 

Dicas para a DISNEY – Durante a viagem

1- No parque você pode agendar mais uma atração depois de ter usado as 3 iniciais através de quiosques espalhados pelo parque. Uma novidade que vai começar em breve é a possibilidade de fazer esses novos agendamentos através do aplicativo no celular. Mas lembrando que só pode ser uma por vez.

2- Para fazer nosso tempo render e andar no máximo de brinquedos possíveis, usávamos o aplicativo do parque que te informa o tempo de espera para cada brinquedo. Assim enquanto a nossa hora não chegava para usar o fast pass ou quando já estava na hora do fast pass mas tinha tempo sobrando pegávamos algum brinquedo com fila pequena. Já que o horário marcado não é exato, é tipo de 12h à 12h45, nesse meio tempo você pode furar a fila. Com essa tática andamos em muitosssss brinquedos.

3- Aos interessados seguem os links para download do aplicativo dos parques o My Disney Experience, Android e Iphone. Lembrando que precisa ter o login criado no site para usar o aplicativo.

FREEBIES Disney ou quase isso

passaporte do EPCOT
passaporte do EPCOT

Bottom – Magic Kingdom

Assim que entrar no Magic Kingdom, passe no City Hall é logo a esquerda, lá você pode pegar 1 ou mais dos diferentes bottons que eles oferecem de graça, eu peguei 1ª visita, Celebrando e o Reunião de Família.

Disney dollars – Magic Kingdom

Na Disney você pode trocar os dólares de verdade por Disney Dólares. O dinheiro vale no parque como qualquer nota de dólar. Além de ser uma lembrancinha muito bonitinha, cada ano as estampas na nota trocam, muitas pessoas até colecionam. Eu troquei 5 dólares em 5 Disney Dólares. Você pode fazer essa troca no Guest Service do parque, é pertinho do City Hall. Fiquei sabendo que pararam de produzir esse ano! Não existirá mais! Uma tristeza, aos que tem, guardem as suas notinhas, virarão boas lembranças.

 

 

onde buscar as cartas mágicas
onde buscar as cartas mágicas

Cartas Mágicas – Magic Kingdom

O jogo The Sorcerers of the Magic Kingdom permite o visitante pegar um pacote de cartas por dia no Fire Station na rua principal ou na Liberty Square perto da loja de natal. Essas cartas são interativas com vários pontos espalhados pelo parque, para ir no próximo você tem que ter feito a missão anterior. É bem simpático, imagino para crianças, mas não deu tempo de brincar, uma outra vez quem sabe?

Docinhos grátis – Magic Kingdom

Você pode visitar as lojinhas na rua principal e quem sabe provar algumas amostras de doces. Os docinhos para amostra dependem do dia.

Passaporte – EPCOT

Compre seu passaporte e percorra os países no EPCOT para que carimbem e recebam assinaturas com curiosidades sobre cada cantinho do mundo ali representado. Vira uma simpática lembrancinha.

 

Confira nosso dia na Universal (EM BREVE)

 

Dicas para UNIVERSAL – Antes de viajar

1- Se você pretende usar o trem de Hogwarts compre ingressos PARK-TO-PARK, sem ele você não pode pegar o trem.

2- Compre o express pass da Universal, ele permite que, você pessoa insana que inventou de ir no fim de ano ao parque, consiga andar em quase todos os brinquedos. Digo para comprar antes porque existe um limite de express pass por dia, você pode correr o risco de não ter mais. Lembre-se que o preço dele varia de acordo com a época do ano, ou seja, para dias de alta temporada como o fim do ano ele fica uma pequena fortuna. Mas vale cada centavo. Garanto, sem ele não dá para sobreviver.

 

Dicas para UNIVERSAL – Durante a viagem

1- O express pass não te permite entrar nos dois simuladores do Harry Potter, então eu recomendo você correr para um deles primeiro. Dizem que no final da tarde a fila diminui mas não vimos isso. Na realidade lotou a tal ponto que o parque lotou, e os simuladores fecharam por um bom tempo.

2- Se você gostar de alguma atração que a fila está pequena com o express pass não perca a oportunidade de usá-lo novamente, RE- RIDE ALWAYS!!!!!

3- O seu ingresso na Universal te permite juntar as fotos dos brinquedos para imprimir no final do dia. Como éramos 3 ficou barato. A loja para imprimir fica grudada na saída. Não viemos e saímos do parque…por sorte nosso bilhete era park-to-park então entramos de volta e pegamos as fotos.

4- A Universal também tem um aplicativo para celular que informa o tempo de fila de cada brinquedo para quem interessar seguem os links para download do aplicativo dos parques o Universal Orlando Resort App, Android e Iphone.

algumas telas do aplicativo da Universal
algumas telas do aplicativo da Universal

 

FREEBIES Universal ou quase isso

fora-da-toca_sobrevivendo-a-orlando_01
os simpáticos botoms da Universal

Bottom

A universal não tem tantos freebies quando a Disney, mas tem um simpático bottom que você pode pegar um no Guest Service, é só perguntar onde fica assim que chegar. O interessante é que os funcionários reparam e interagem com você ao ver o bottom. Imagina que mágico para uma criança o Wolverine chegar e chamá-la pelo nome e perguntar o que ela está comemorando?

Cartão Postal

Não é de graça mas é quase hehe, os cartões postais que você compra e pode carimbar com o selo de Hogsmeade, de lá inclusive você pode mandar cartões para alguém querido via correios.

Notas de dinheiro bruxo

Esse com certeza não é de graça mas é um souvenir diferente, você pode trocar notas de dólares por notas de dinheiro bruxo “Wizarding Bank Notes” no Gringotts Money Exchange, você até abre uma conta por lá para realizar esse câmbio! Mas só tem notas de $10 e $20… fiquei com dó de comprar… O legal é que esse dinheiro vale em toda a parte do parque do Harry Potter.

 

Confira nosso dia no Sea World (EM BREVE)

No Sea World nós se quer compramos o ingresso antes pois vale muito a pena deixar para comprar lá na hora. Primeiro você pode já comprar com descontos no centro de informação de Orlando. Se você tiver tempo sobrando dá uma checada no seu hotel pela venda de ingressos muitas vezes rolam descontos ABSURDOS no valor se você se comprometer a visitar os resorts ou instalações do parque.

Assim como os outros parques é possível agendar pelo site atrações que são pagas por fora como alimentar os golfinhos ou reservar restaurantes. Como sempre pensando na grande quantidade de visitantes vale reservar antes pelo site para não se decepcionar.

"under the sea...under the sea..."
“under the sea…under the sea…”

E você tem alguma dica para compartilhar? Comente no post que incluiremos no texto (com os devidos créditos, claro) !

 

Dica Fora da Toca – Para aproveitar os parques

Para economizar tempo e $$

Faça lanches no hotel e prepare outros para levar. Comer nos parques não é das coisas mais baratas do mundo então vale a pena enrolar até a hora de DE FATO almoçar.

Leve sempre uma garrafa ou squeeze com água, normalmente dá para encher em bebedouros.

Atenção Não pode mais levar bastão de selfie para os parques

Atenção  Cuidado com todos os rios e lagos na Flórida, lá é pântano e a incidência de jacarés / crocodilos é bem grande. Vamos evitar acidentes.

Compartilhe nas redes sociais!

Um comentário em “Sobrevivendo à Orlando no fim de ano, como aproveitar ao máximo!

Deixe seu comentário ou dúvida