fora-da-toca_opera-de-arame_CAPA

Ópera de Arame de Curitiba

Com certeza um dos pontos mais famosos de Curitiba, a Ópera de Arame é linda e fascinante. Ela fica a poucos km do centro da cidade no bairro de Pilarzinho onde antigamente funcionava uma pedreira. Localizada no final de uma ponte, igualmente delicada, a Ópera é cercada por mata nativa, escarpas da antiga pedreira, e um lago com peixinhos, os traços delicados da estrutura somada a suas paredes translucidas fazem com que pareça que saiu de um conto de fadas.

entrada da Ópera de Arame
entrada da Ópera de Arame

A Ópera foi construída em cima do projeto do arquiteto Domingos Bongestabs, professor do departamento de Arquitetura e Urbanismo da UFPR, com a proposta de integrar o máximo possível a construção com a paisagem. Para a estrutura da Ópera foram usados 360 toneladas de aço tubular e seu teto feito de policarbonato transparente. Sua estrutura foi montada em incríveis 75 dias e inaugurada em 18 de março 1992, possuía capacidade para 2.400 pessoas, seus bancos são de tela de arame e seu palco de 400m² é preparado para diversos tipos de apresentações. Em sua inauguração abrigou a peça Sonho de uma Noite de Verão, na abertura do primeiro Festival de Teatro de Curitiba. Atualmente, após reformas e por questões de segurança e conservação a Ópera de Arame tem capacidade para 1.572 pessoas, apesar de na placa de entrada dizer que a capacidade é de 2.920 pessoas.

atravessando a ponte
atravessando a ponte
vista da ponte
vista da ponte

Por fora ela já é linda, mas por dentro com a luz atravessando o teto transparente ela fica ainda mais maravilhosa, chegamos para visitar no fim da tarde, não demoramos muito pois tinha uma formatura começando. Dentro ainda tem um barzinho com bebidas e comidas.

detalhe da fachada
detalhe da fachada
parte interna da Ópera
parte interna da Ópera

Do lado da Ópera de Arame está a Pedreira Paulo Leminski. Onde ainda hoje é usada para shows e eventos devido a sua incrível acústica, com capacidade pra cerca de 20.000 pessoas ao ar livre, já foi cenário da encenação da Paixão de Cristo. Junto com a Ópera eles formam o Parque das Pedreiras. A Pedreira não deu para visitar, estava com os portões fechados. Fica para uma próxima visita, pois pretendemos voltar em breve.

Extra – Um licor com nome um tanto quanto duvidoso

Minha curiosidade simplesmente não me permitiu deixar passar na simpática lojinha de souvenir que fica na frente da Ópera de Arame, com inúmero avisos do lado de fora e um fusca em cima de um corpo abandonado, simplesmente não deu para deixar passar desapercebido o produto que a loja anunciava. Licor de Merda. Entrei na intenção de comprar uma garrafinha para levar de lembrança para o meu pai, mas eles não vendem a garrafa, só a dose. A proposta é mais para as pessoas conhecerem essa iguaria portuguesa. Você pode tomar só a dose ou pagar um pouquinho mais e tomar a dose e levar uma mini caneca de lembrancinha. Não resisti e levei a canequinha. Como todo licor é bem doce, eles servem gelado o que alivia o gosto doce já que eu não sou muito fã de açúcar (me julguem).  O licor na realidade é feito à base de leite, também leva baunilha, cacau, canela, açúcar e citrinos. É bem gostosinho e forte. Dei uma pesquisada rápida na internet e o nome do licor tem a seguinte origem: “ Em 1974 nascia o Licor de Merda. Portugal passava por um período conturbado marcado pela luta entre a esquerda e a direita. Neste contexto, o Licor de Merda foi criado para “homenagear” algumas autoridades que então governavam Portugal. De quase uma brincadeira (especialmente o nome) passou a ser um caso sério de vendas.”

uma alma perdida para o licor
uma alma perdida para o licor
super sobrevivi e ainda tirei foto com a canequinha que levei para casa
super sobrevivi e ainda tirei foto com a canequinha que levei para casa

Informações importantes – Ópera de Arame

Ingresso: Grátis
Horário: segunda-feira Fechado / terça-feira a domingo de 8h às 19h

Dica do Fora da Toca

Aproveite que já está estacionado e conheça a lojinha do outro lado da rua cheia de lembrancinhas de Curitiba e prove o licor com um nome pra lá de duvidoso. Eu provei e sobrevivi, haha!!

Se estiver de carro não deixe de encarar mais 4km, mais ou menos 5 min para conhecer o Parque Tanguá! Confere no nosso post para você se animar a conhecer mais essa atração.

– Informações históricas da Ópera de Arame retiradas do site Guia Geográfico de Curitiba, Wikipédia e Prefeitura de Curitiba / História do licor de merda retirada do site Garrafeira Nacional –

Compartilhe nas redes sociais!

Um comentário em “Ópera de Arame de Curitiba

Deixe seu comentário ou dúvida